Porto Nacional, 23 de junho de 2017

Serviços mais acessados

PORTO NACIONAL DISCUTE SUSTENTABILIDADE NA 5ª SEMANA DO MEIO AMBIENTE

Porto Nacional discute sustentabilidade em Semana do Meio Ambiente aberta nesta 2ª

A prefeitura de Porto Nacional deu início na manhã desta segunda-feira, 05, a Semana do Meio Ambiente, com tema "Sustentabilidade e Gestão de Recursos Hídricos", com participação de entidades educacionais, estudantes, empresas privadas, Câmara de Vereadores, e contou ainda, com a participação do Deputado Federal César Halum e do Secretário de Desenvolvimento Urbano de Palmas, Deputado Estadual Licenciado, Ricardo Ayres.


O prefeito de Porto Nacional e a Superintendente de Meio Ambiente de Porto Nacional, Flávia Halum Ayres realizaram a abertura oficial no auditório do Instituto Tocantinense Presidente Antônio Carlos (ITPAC Porto Nacional), em solenidade que contou com palestra do engenheiro agrônomo e colunista da Rádio CBN Tocantins, Ramis Tetu, que tratou sobre sustentabilidade como meio de integração e eficácia da gestão.


De acordo com Ramis Tetu, discutir sustentabilidade numa cidade que respira agronegócio é necessário para trazer "uma nova visão de que não há conflito entre a defesa e o cuidado com meio ambiente e a produção agrícola. Só que ela tem que ser feita com alguns cuidados e um olhar mais amplo do desenvolvimento sustentável. Por exemplo, a diversidade de culturas, o respeito às localidades e cada território ou propriedade são determinantes nesse processo".

Homenagem
Na solenidade foi entregue ao estudante Jacson Brilhante Sousa, uma bicicleta, como prêmio da campanha Guardiões do Meio Ambiente, que mobilizou centenas de alunos da rede pública municipal de ensino de Porto Nacional e premiou a frase que mais representou a necessidade de preservar o meio ambiente. “Eu sou uma criança, que clamo por socorro. Minha vida está em suas mãos. Eu sou a natureza!”, escreveu o premiado Jacson Sousa.


Já a Associação de Materiais recicláveis de Porto Nacional recebeu o Certificado de Mérito Ambiental, pelos serviços prestados ao meio ambiente do município.


Pronunciamentos
O prefeito Joaquim Maia destacou que o cuidado com o meio ambiente deve acontecer numa parceria entre a gestão e a população portuense. "Também junto com as instituições de ensino, estudantes, empresas privadas e organizações de nossa cidade. Todos juntos devemos unir esforços para que nossa cidade esteja no desenvolvimento financeiro, mas de forma sustentável", disse.

Já a superintendente de Meio Ambiente, Flávia Halum Ayres destacou que nesses primeiros cinco meses de gestão já foi aprovado o Plano Municipal de Meio Ambiente. “É preciso destacar que conseguimos junto a Câmara Municipal, aprovar o Plano, que Prevê o Fundo Municipal de Meio Ambiente, e garantimos que os recursos do ICMS Ecológico irão para esse fundo e são destinados exclusivamente para ações de sustentabilidade em nossa cidade”, pontuou.


A Superintendente explicou ainda que foi assinado no início deste ano, um termo de cooperação com a Naturatins, em que prevê que o Município de Porto Nacional seja o responsável para emissão de licença ambiental.

O Deputado Federal César Halum destacou que no Brasil, cada cidadão produz em media 1kg de lixo por dia, e as ações de sustentabilidade ainda são muito abaixo do necessário. “Apenas 1.055 municípios brasileiros tem atualmente alguma ação de reciclagem e na maioria deles, essas ações não passam de 3% do lixo coletado”, comentou o parlamentar.

O Secretário de Desenvolvimento Urbano de Palmas, Deputado Estadual licenciado, Ricardo Ayres chamou a atenção para os constantes aumentos na tarifa de energia elétrica e lançou o desafio para que os estudantes criem projetos voltados a sustentabilidade em Porto Nacional. “Quero destinar recurso de emenda parlamentar para que o melhor projeto voltado ao meio ambiente em Porto Nacional se concretize”, explicou.